Regina Amorim lança o livro “Paraíba: 35 dias de vivências e experiências”

Será lançado nesta quinta-feira (17) o livro “Paraíba: 35 dias de vivências e experiências”, que apresenta o roteiro paraibano com atividades criativas com foco na produção associada ao turismo, na economia criativa e de experiência das regiões do Litoral, Brejo e Cariri paraibanos.  O lançamento será realizado no Hotel Hardman, em Manaíra, em João Pessoa, às 19h. A publicação já foi apresentada no Festival de Turismo de Gramado (RS), no dia 5 de novembro.

Produzido pelo Sebrae Paraíba, a publicação conta com 170 páginas e detalha cerca de150 atividades criativas de 19 municípios do Estado (Areia, Bananeiras, Conde, Pitimbu, Lucena, Cabedelo, Pilões, Alagoa Grande, Boqueirão, Cabaceiras, Ingá, Guarabira, Remígio, Solânea, João Pessoa, Campina Grande, Rio Tinto, Mamanguape e Marcação). O roteiro é resultado das ações realizadas desde 2012 pelo Sebrae Paraíba, em parceria com a Associação de Cultura Gerais (ACG).

“A consultoria foi o melhor caminho para a construção do capital social, de um ambiente de confiança, união e integração entre os empreendedores das diversas regiões paraibanas, com ações colaborativas e inovadoras, valorizando as histórias de empreendedorismo desses atores que transformam sonhos em oportunidades de negócios”, disse a gestora de Turismo do Sebrae Paraíba, Regina Amorim.

Ela explicou que o livro apresenta um roteiro de viagem que começa por João Pessoa com a visita à Rota dos Ateliês, que reúne obras de 12 grandes artistas plásticos e duas galerias de arte. A rota segue para o Litoral Sul paraibano (Conde e Pitimbu), com o passeio às praias locais e seus equipamentos turísticos, como restaurantes e pousadas.  Além do sol e mar, a programação tem caminhada em trilhas, visita a assentamento, apresentações culturais, restaurantes, passeios de buggy, vivência na Aldeia Macuxi, oficina de artesanato, entre outras atividades.

Do Litoral Sul, o roteiro segue para o Brejo (Areia, Bananeiras, Remígio, Pilões Solânea e Guarabira). Na região, os visitantes podem desfrutar de hospedagens com foco na produção associada ao turismo, acompanhar a produção de doces artesanais e de farinha de mandioca, participar de oficinas artísticas e caminhadas culturais, fazer trilhas e piqueniques em reservas ecológicas, conhecer engenhos e sua produção, apreciar comidas típicas, ver de perto a confecção do artesanato local, entre outros.

“O roteiro é vasto e pode ser feito em 35 dias se o turista quiser fazê-lo completo. Com a publicação será mais fácil o planejamento de cada viagem. Há contatos das Agências de Turismo Receptivo, dos guias de turismo e dos condutores locais que podem auxiliar no agendamento do trajeto”, destacou Regina Amorim.

Além do Litoral Sul e Brejo, o roteiro contempla Campina Grande (Agreste), Ingá, Cabaceiras, Distrito do Marinho, em Boqueirão (Cariri), Lucena, Cabedelo, Mamanguape, Rio Tinto e Marcação (Litoral Norte). Na cidade do “Maior São João do Mundo”, o visitante tem uma vasta oferta de hospedagem. Para acompanhar o tour, o turista pode contratar o Virgulima de Campina, personagem da economia criativa. A cidade oferece ateliês de artesanato, museu com diversas atividades criativas, como pintura, dança típica, cordel e etc, restaurantes, além de produtos turísticos rurais. A cidade tem ainda o “Quadrilhando”, espetáculo junino criativo, que apresenta danças juninas tradicionais, teatro junino, forró pé de serra, comidas típicas juninas, aluguel e vendas de figurino junino, dentre outras atividades.

No Cariri, os turistas podem desfrutar das belezas naturais de Ingá e de oficinas de Patchwork, de pintura rupestre e de bordado, além de conhecer o artesanato local, com o Labirinto, e apreciar as comidas típicas da região. Em Boqueirão, os visitantes conhecerão a fabricação de redes e tapetes por mulheres da comunidade, quitutes rurais, a fauna e a flora do território, entre outros. Em Cabaceiras, a “Roliúde Nordestina”, há um circuito criativo com foco na produção associada ao turismo que incrementam os atrativos naturais da região. No Distrito do Marinho, há passeio de pau de arara, trilhas, apresentações culturais, camping rural, que oferece hospedagem em barracas com estrutura criativa.

Já no Litoral Norte, Lucena, Cabedelo, Mamanguape, Rio Tinto e Marcação oferecem aos visitantes diversas atividades, com passeio em lancha ou em barcos de pescadores para conhecer piscinas naturais, o habitat do peixe-boi e das tartarugas marinhas, trilhas ecológicas, igrejas históricas, produção de artesanato, roteiro gastronômico, apresentações culturais, ateliês criativos, passeios de catamarã, pescaria esportiva, pôr do sol na Praia do Jacaré, hotel-fazenda, turismo de base local, turismo de experiência, entre tantas outras atividades.

O livro será distribuído gratuitamente para a imprensa, os guias de turismo, as agências de receptivo e outros equipamentos turísticos de vários municípios do Estado, no lançamento. Mais informações: 83. 2108-1256.

Fonte: UNIDADE DE COMUNICAÇÃO E MARKETING
SEBRAE PARAÍBA

Foto: Valdívia Costa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *